Casa BELVERDE

_

Uma moradia de 3 pisos, dos anos 1970, com áreas desajustadas nos espaços comuns e de circulação, permite uma intervenção vertical, única. Abrimos as lajes, duplicamos pés direitos e desenrolamos uma escada em torno do vazio. Revelam-se novos trajectos visuais e sociais.

No piso térreo, os espaços verdes exteriores, a nascente e a poente, são levados para dentro de casa quando rompemos também horizontalmente o espaço e estabelecem de novo trajectos visuais. Fechamos os percursos com grandes portas de vidro emolduradas em madeira.

 

Colaboração: Marco dos Santos, Liliana Pereira

Engenheiro Estrutural: José Carlos Marques

Área de Intervenção: 250m2

Cliente: Filipe e Elisabete Oliveira

Datas: 2009 – 2010

Fotografia: Inês Cortesão